>

domingo, 24 de março de 2013

Irmãozinho a vista!

Quando era criança, você sempre pedia um irmãozinho, mas parece que os seus pais nunca levaram a ideia a sério. Agora que você cresceu, recebe essa notícia bombástica e inesperada.
No momento em que você se dá conta de que a família vai ter mais um integrante, é super normal ser tomada por uma montanha-russa de sentimentos, como ciúme, medo, felicidade e até uma certa "raivinha" - tudo isso faz parte do processo de aceitação.
O que acontece é que, com a chegada de uma criança na casa, a rotina de todos tende a mudar, e aí bate aquela insegurança: "Será que todas as atenções ficarão voltadas para o bebê e ninguém mais vai gostar de mim?".

Encare numa boa

Independentemente de você gostar ou não da ideia de ganhar um irmão, isso vai acontecer. Então, se você se acostumar com essa nova condição e tentar ver o lado positivo disso, tudo será melhor.
Acredite: por mais que no começo pareça que está tudo perdido e que o "espaço" que você conquistou na família será ocupado pelo pequeno, não é bem assim. Um bebê requer mais cuidados e, naturalmente, exigirá uma deidicação maior, mas isso não significa que você será deixada de lado ou menos amada do que ele.
Porém, se você se sentir incomodada com alguma coisa, não tenha medo de se abrir com seus pais. É importante eles saberem os seus receios e dúvidas diante de tantas mudanças (que não são nada fáceis!).

Amor de irmão

Crianças tornam a casa muito mais divertida (quem não morre de rir com aqueles vídeos de crianças fofas que rolam na internet?).
Agora, imagine que incrível será quando você voltar do colégio e der de cara com o seus irmãozinho (a) super feliz com a sua chegada! Você vai sentir tanto amor que não vai sobrar espaço para ciúme.
Além disso, por não ser mais criança, vai poder participar dos preparativos da chegada (quem sabe você não ajuda a escolher o nome dele?) e dos cuidados do bebê, como dar banho e brincar (a gente até volta a ser um pouco criança, o que é muito legal).
"Quando soube que teria uma irmã, fiquei muito feliz. Como vou ser a mais velha, vou adorar cuidar da minha pequena e ensinar a ela tudo o que sei", conta Ana Carolina Morais, de 13 anos, que aguarda ansiosamente a chegada da caçulinha da família. "Claro que às vezes bate um ciúme, mas conto até dez e passa rapidinho (risos). Estou tão feliz que, para mim, um dos momentos mais legais foi ela ter se mexido na barriga da minha mãe bem no dia do meu aniversário. Eu já a amo muito!", finaliza a girl.

Motivos para você amar ter um irmão

♥ Vai ser muito divertido colocar em prática tudo o que sempre fez com as suas bonecas e, dessa vez, é com uma criança de verdade e muito fofa. Além disso, vai poder mimá-la muito!

♥ Quando estiver brincando com o baby, você pode voltar a ser criança sem ser julgada por isso.

♥ Ao passear com o bebê, tem chances de conhecer algum gatinho que goste de crianças. E aí, papo vai, papo vem... Quem sabe não rola um romance? :)

♥ Como os seus pais terão de dar uma atenção especial para ele, vai sobrar menos tempo para darem bronca em você por motivos "bobos".

♥ Quem não é filha única sabe que a relação entre irmãos é muito intensa, pois, do mesmo jeito que brigam, vocês se dão super bem e se amam. Mas se você ainda não tem irmãos, prepare-se para descobrir um sentimento novo e muito especial!

Bom é isso meninas, espero que tenham gostado, deu um trabalhão para escrever! Rs'

Créditos à Mara Luoncio Dias - revista Yes! Teen.

7 comentários:

Marcia Carolina Bolson - Sabryne12 disse...

legal :)

Tereza Eduarda disse...

Bom pra vc ^-^

Jaque disse...

eu sou a caçula da casa kk mas eu acho que meus irmãos encararam numa boa sim, eles me tratam muito bem ;)até compram minhas roupas e sapatos ( tudo com o salario dele ) kkk *u*

Jaque disse...

Meus pais eu acho que não iram ter mais filhos, pelo fato de estar numa idade só um pouquinho avançada rs mas eu sempre peço pra terem mais um *-* seria bem legal eu cuidar do meu irmãozinho ou irmãzinha ^^

Ammanda/Lindinha500 disse...

Tenho uma irmãzinha de três anos, quando ela chegou eu fiquei com ciúme rçrç

Ammanda/Lindinha500 disse...

Mas hoje me dou super bem com ela, ela é uma gracinha *u*, adoro muito ficar com ela :)

Ammanda/Lindinha500 disse...

Sou o contrário da Jaque rs, não quero que meus pais tenham mais filhos rs, já tenho duas irmãs kk.